Realizei meu sonho.... casei nas Ilhas Gregas!

Somos casados há 39 anos. Logo no início do casamento perdemos as alianças, pois as tiramos antes de entrar no mar (com medo de perdê-las) e deixamos com um parente na areia. 
Daquele dia em diante trocamos as alianças muitas vezes - afinal, aquela, abençoada pelo padre, já não existia mais. 
Realizei meu sonho.... casei nas Ilhas Gregas!
 
Sempre gostamos de pontuar as novas conquistas em nossas vidas com uma troca de alianças. Fosse após a compra daquele apartamento de praia que sonhamos em ter ou num passeio que sempre quisemos fazer. Eu disse ao Alvaro que um dia nos “casaríamos” nas Ilhas Gregas. É claro que depois dessa promessa, outras confirmações do nosso amor aconteceram e ele acabou esquecendo, mas eu não! Numa viagem com dois casais de amigos, fomos conhecer a Turquia. Lugar exótico, cheio de novidades, cultura completamente diferente, passeios deliciosos - inclusive aquele de balão, que não poderíamos perder, na Capadócia. Visitamos ruínas, entramos em cavernas e conhecemos uma cidade subterrânea. Até meu medo de altura e de lugares fechados eu superei, pois realmente valia a pena conhecer tudo que a região nos proporcionava. Mas a minha ideia de “casar de novo”, não estava abandonada. Eu já tinha tramado tudo antes de sair do Brasil, mas não contei a ninguém. Afinal, não queria que nada atrapalhasse meus planos!
Da Turquia embarcamos num lindo e gigante navio, cheio de glamour e de muitas atividades. Um passeio pelas Ilhas Gregas... aquelas que eu sempre sonhei conhecer! Saímos de Kusadasi, na Turquia, passamos por Mykonos, Patmos, Crete e Santorini, onde coloquei em prática o meu sonho romântico! Descemos nesse lindo lugar e fui a uma loja onde havia joias no estilo grego - aquelas com desenhinhos, como eu tinha imaginado. Comprei as duas alianças, sem contar para os meus amigos, e muito menos para meu marido. Guardei direitinho e esperei um momento mais apropriado para realizar meu sonho. Após conhecer lugares magníficos, daqueles que vi em novelas e filmes, chegou a hora do jantar no navio e então eu pedi um minuto de silêncio, pois tinha um pedido a fazer! Todos assustaram e quando olhei para o Alvaro e o pedi em casamento, mostrando as alianças gregas, ele começou a chorar! Foi lindo, todos se emocionaram e eu consegui, mais uma vez fazer com que uma viagem deliciosa como aquela se tornasse ainda mais inesquecível. Ilhas Gregas.....esse é o nosso lugar inesquecível!                                                                                                             

Comentários (0)

500 caracteres restantes

Cancel or

REVISTA DOLCE

Edições anteriores

Veja as edições anteriores da revista Dolce Morumbi