Aplicativos de relacionamento funcionam?

Conheça histórias de casais que se conheceram online

A tecnologia é parte fundamental do nosso dia a dia. É por meio dela que trabalhamos, fazemos compras e nos mantemos informados. Porém, começar um relacionamento online ainda é um tabu para muitas pessoas.

Os aplicativos de relacionamento criaram uma verdadeira revolução facilitando o acesso e a comunicação entre pessoas que, provavelmente, nunca se cruzariam na rua. Um estudo realizado em 2017 por Josue Ortega (Universidade de Essex, na Inglaterra) e Philipp Hergovich (Universidade de Viena, na Áustria), apontou que a tecnologia está criando relacionamentos mais diversos. Se antes nos relacionávamos apenas com pessoas que faziam parte do nosso círculo social, hoje podemos conhecer pessoas que moram a quilômetros de distância.

De acordo com o estudo, o namoro online é hoje a segunda maneira mais comum para os casais heterossexuais se conhecerem, já no caso das relações homoafetivas é a forma mais popular. Os pesquisadores também conseguiram identificar que casamentos frutos de relacionamentos online tendem a ser mais fortes e com menos taxas de separação.

O Bumble, o primeiro e único aplicativo de relacionamentos onde as mulheres dão o primeiro passo, reuniu algumas histórias de casais que se conheceram por meio da plataforma para te inspirarem a dar o primeiro passo também:

Jeanne e Guilherme

Usuários de apps de relacionamento, Jeanne Schmidt (31) e Guilherme Parolin (29) não acreditavam muito nas plataformas, por nunca terem tido um relacionamento, apenas conversas mais rasas. Tudo mudou em janeiro de 2020, quando rolou a conexão entre eles no Bumble. De cara já perceberam que tinham vários interesses em comum e decidiram se encontrar no dia seguinte.

Mesmo com viagens marcadas para o Carnaval, os dois continuaram conversando. Ao voltar de viagem, Jeanne foi recepcionada no aeroporto por Guilherme. Pouco tempo depois, por conta da pandemia e da quarentena, decidiram morar juntos e acabaram de completar 1 ano e 4 meses de namoro.

Milena e Paulo

Em dezembro de 2019, Paulo Guerra (30) visitava a família no Rio de Janeiro quando rolou a conexão com Milena Coutinho (33). Paulo já era experiente no app, mas Milena estava começando a se aventurar. A conexão foi bastante forte e eles logo marcaram de se conhecer pessoalmente, já que em poucos dias Paulo teria que retornar para York, no Reino Unido. Mesmo com a distância, o casal manteve o relacionamento e enfrentou todos os desafios de 2020. Em janeiro de 2021, Milena fez as malas e foi morar com seu amor no Reino Unido.

Nathalia e Julio

Nathalia Miranda (21) e Julio Matiussi (22), decidiram apostar no Bumble por indicação de amigos. O que mais os atraiu para a plataforma foi o fato de poder usar recursos, como filtros, para encontrar correspondências que se alinhem com seus interesses, valores e escolhas de estilo de vida. Ambos buscavam um “relacionamento sério” e quando rolou a conexão em novembro de 2020, eles ficaram mais de dois meses conversando antes de se conhecerem pessoalmente. Isso aconteceu quando Julio decidiu encontrar Nathalia no interior de São Paulo, onde ela passava as festas de fim de ano com a família e desde então não se separaram mais.

Para conhecer mais sobre o Bumble baixe o app na loja de aplicativos do seu celular.

O Bumble foi fundado por Whitney Wolfe Herd em 2014 e empodera milhões de pessoas a criarem conexões significativas, saudáveis e igualitárias. No Bumble, as mulheres sempre dão o primeiro passo – independentemente do tipo de relacionamento. O Bumble foi construído em torno de gentileza, respeito e igualdade – e sua comunidade desempenha um papel importante nisso. O Bumble responsabiliza sua comunidade por suas ações e tem uma política de tolerância zero para discursos de ódio, agressão ou bullying. O aplicativo é gratuito e está disponível em todo o mundo na App Store e no Google Play.

Colaboração de pauta:

Imagem destacada da Publicação

Assine

Nossa Newsletter

Inscreva-se para receber nossos últimos artigos.

Conheça nossa política de privacidade

vinheta-julho21-banner-(1)
vinheta-julho21-banner-(2)
vinheta-julho21-banner-(3)
vinheta-julho21-banner-(4)
vinheta-julho21-banner-(5)
vinheta-julho21-banner-(6)
vinheta-julho21-banner-(7)
Anterior
Próximo

Artigos recomendados