Dia Mundial do Diabetes alerta para preocupação com aumento da doença no mundo

Na Amparo Saúde, 16,6% dos atendimentos da equipe de nutrição estão relacionados a pré-diabetes e 22,2% dos pacientes já são diabéticos

Dia 14 de novembro é considerado o Dia Mundial do Diabetes, uma das doenças crônicas mais comuns do mundo, e que atinge cerca de 6,9% da população (aproximadamente 13 milhões), de acordo com a Sociedade Brasileira de Diabetes. A data marca a conscientização para as complicações e a importância do cuidado preventivo, tendo em vista que de acordo com dados preliminares do Atlas Diabetes 2021 houve um aumento de quase 16% nos casos da doença em adultos (de 20 a 79 anos) em todo o mundo.

Na Amparo Saúde , healthtech referência em cuidado humanizado e prevenção em saúde no Brasil, um levantamento realizado no início de outubro mostrou que pacientes cada vez mais jovens estão apresentando problemas de saúde crônicos. Dos atendimentos da equipe clínica de nutrição, 16,6% já apresentam pré-diabetes e 22,2% já são diabéticos.

“O diabetes é uma doença sem cura e que precisa ter um seguimento por toda a vida, já que traz implicações em diversos aspectos da saúde de um paciente. Por isso, reforçamos o papel fundamental de um médico de família na promoção, prevenção e acompanhamento longitudinal do indivíduo, buscando evitar que ele adquira doenças como diabetes ou que tenha uma melhor qualidade de vida, caso já tenha adquirido a doença”, Médico de Família e Comunidade Dr. Pedro Reis.

Confira abaixo os tipos de diabetes existentes e os possíveis problemas que podem causar ao sistema de cada paciente:

  • Diabetes Tipo 1: ocorre quando o corpo não é capaz de produzir insulina em quantidade suficiente. Esse tipo é o menos comum, sendo responsável por10% dos casos de diabetese atinge, principalmente, crianças, adolescentes e adultos jovens.
  • Diabetes Tipo 2: Corresponde a 90% a 95% de todos os casos de DMnesse tipo de diabetes o corpo produz insulina mas ela não cumpre corretamente a sua função de controlar a glicose no sangue, causando a hiperglicemia. Sua etiologia é complexa e multifatorial , envolvendo componentes genético e ambiental , acomete indivíduos a partir dos 40 anos embora em alguns países já se descreva o aumento da incidência em criança e adolescente decorrente ao excesso de peso.
    Estima-se que 90% dos casos de Diabetes Tipo 2 poderiam ser evitados com uma alimentação balanceada e prática de exercícios físicos evitando assim o excesso de peso. Neste tipo de Diabetes excesso de glicose na corrente sanguínea, poderá causar série de consequências e prejuízos a outros órgãos e ao funcionamento do corpo como:
  • Aumento da incidência de doenças cardiovasculares: segundo o Hospital do Coração de São Paulo , o risco de um paciente diabético sofrer um infarto é 40% maior em homens e 50% maior em mulheres
  • Retinopatia: danos à retina, parte do olho responsável pela captação e identificação das imagens;
  • Falência renal;
  • Amputações: pequenas feridas, como causadas por um alicate, podem
  • evoluir para gangrenas e, consequentemente, amputações.
  • Existem outros tipos menos frequentes de Diabetes como: Gestacional ( Hiperglicemia diagnosticada durante a gestação sem critérios prévio de DM) Diabetes Neonatal, secundárias a doenças endócrinas , medicamentos , infecções e doença do pâncreas exócrino

“Por ser uma doença crônica, o diabético deve seguir uma rotina de acompanhamento, mudanças no estilos de vidas, hábitos alimentares saudáveis, prática de atividade física e o uso correto das medicações indicadas, para que possa ter uma vida normal e com muita qualidade, concluiu Dr. Pedro Reis.

Criada em 2017, a Amparo Saúde desenvolve tecnologias a partir da análise de dados que tornam os atendimentos médicos mais humanos, eficientes e a custos mais acessíveis. Além dos serviços de telemedicina, a healthtech que trabalha com modelo de APS, conta com uma estrutura de 9 unidades localizadas na Região Metropolitana de São Paulo, além de Campinas, Rio de Janeiro e Brasília. A empresa atende as maiores operadoras de saúde brasileiras com uma equipe de cuidado coordenado que envolve o médico de família, equipe de enfermagem, farmácia, nutrição e psicologia. O time completo acompanha o paciente durante toda a jornada de cuidado e resolve cerca de 85% dos casos, beneficiando todo o sistema de saúde.

Colaboração da pauta:

Ampoule Comunicação

Clarisse Florentino | +55 11 94063 2257
[email protected]
Julyana Castro | +55 11 98442 2000
[email protected]
Leticia Ramos | +351 932908305
[email protected]

Imagem destacada da Publicação

Assine

Nossa Newsletter

Inscreva-se para receber nossos últimos artigos.

Conheça nossa política de privacidade

vinheta-dolce-setembro21-banner-(1)
vinheta-dolce-setembro21-banner-(2)
vinheta-dolce-setembro21-banner-(3)
vinheta-dolce-setembro21-banner-(4)
vinheta-dolce-setembro21-banner-(5)
vinheta-dolce-setembro21-banner-(6)
vinheta-dolce-setembro21-banner-(7)
vinheta-dolce-setembro21-banner-(8)
Anterior
Próximo

Artigos recomendados