A importância da figura paterna para o desenvolvimento dos filhos

O envolvimento parental deve ser iniciado o mais cedo possível, pois é essencial na construção da personalidade da criança e no fortalecimento dos vínculos familiares

Quem é que nunca ouviu a frase: “não basta ser pai, tem de participar?”.  Na prática, a importância do pai no dia a dia dos pequenos pode ser percebida nos detalhes, entre sorrisos, brincadeiras e muito cuidado, afinal, é por meio de momentos de atenção, interação e comprometimento que a vida da criança se torna mais completa. 

A Chicco, marca referência em parentalidade que constrói diariamente a sua história e os seus valores ouvindo os pais de hoje e de amanhã, nesse Dia dos Pais convidou a psicóloga e mestre em saúde da criança, Camila Machado, para listar a importância da figura paterna para o desenvolvimento dos filhos.

“O pai é aquele que chega para estabelecer com o filho a primeira relação que vai além da mãe. Cabe ressaltar que a figura paterna deixou de ser autoritária há tempos e conquistou novos espaços. Claro, deve sim ter autoridade, mas para dar orientações e gerar confiança (e não medo)”, ressalta a profissional.

Sem falar que ele também é fonte de segurança para a mulher. Devido a transformação social, tanto a mãe como o pai passaram a dividir o tempo para educar seus filhos. E isso é ótimo! Fazer carinho, segurar no colo, dar medicações, trocar fraldas, estar com a mãe durante as mamadas e acalentar são fatores positivos capazes de aprimorar o desenvolvimento global da criança. Um dia a dia que os pequenos amam e agradecem!

A participação efetiva do pai na vida de um filho promove segurança, autoestima, independência e estabilidade emocional, por isso o envolvimento parental deve ser iniciado o mais cedo possível. Isso é essencial na construção da personalidade da criança e no fortalecimento de vínculos familiares. 

“Mas é necessário que o pai não esteja presente apenas fisicamente. Ele deve contribuir para a educação e a formação dos filhos. Esse maior nível de envolvimento paterno está relacionado a menores índices de problemas de comportamento na infância, especialmente no que diz respeito à agressividade infantil”, destaca a psicóloga. 

A importância do pai presente está nos detalhes e na rotina. Amor tem a ver com presença, convívio e apoio e os momentos de união são definitivos para o desenvolvimento dos filhos. Para uma criança, a presença da figura paterna aconselhadora e comprometida contribui para uma geração de adultos mais segura e confiante.

Presente em mais de 120 países, a Chicco está há mais de 60 anos à serviço da parentalidade – um conceito que abrange todo o conjunto de pessoas que cuidam dos filhos e envolve também avós e tios, professores e babás – de maneiras diferentes, mas sempre cercadas de carinho e cuidado. Como parte ativa da rede de apoio, a Chicco busca trazer soluções inovadoras que atendam às necessidades das crianças dos 0 aos 11 anos e dos pais de hoje e de amanhã.

Assine

Nossa Newsletter

Inscreva-se para receber nossos últimos artigos.

Conheça nossa política de privacidade

vinheta-janeiro-2012-banner-v1 (1)
vinheta-janeiro-2012-banner-v1 (2)
vinheta-janeiro-2012-banner-v1 (3)
vinheta-janeiro-2012-banner-v1 (4)
vinheta-janeiro-2012-banner-v1 (5)
vinheta-janeiro-2012-banner-v1 (6)
vinheta-janeiro-2012-banner-v1 (7)
vinheta-janeiro-2012-banner-v1 (8)
vinheta-janeiro-2012-banner-v1 (9)
Anterior
Próximo

Ainda não há comentários. Deixe o seu abaixo!


Deixe uma resposta