Vale a pena visitar

Cultura & História

O verde é um dos maiores destaques do bairro, considerado o seu grande fator “eletrizante”, aquele capaz de arrebatar paixões e tornar aqui o lar definitivo de quem chega a São Paulo. Mas em meio às centenárias árvores que encantam o morador estão verdadeiras relíquias da história e da arte – vale já a visita!

A fundação possui um acervo que retrata grande parte da História do Brasil, com pinturas, objetos, imagens e obras de alguns dos mais destacados artistas brasileiros. Abriga uma área com cerca de 25 mil árvores, além de um charmoso salão de chá.

Serviço
Av. Morumbi, 4077 – Telefone: 11 3742-0077 – De terça a domingo das 10h00 às 17h30. Ingressos: R$ 10,00 (estudantes e
maiores de 60 anos: R$ 5,00). Aos sábados a entrada é gratuita. Não tem estacionamento.

Edifício sede do Governo do Estado de São Paulo e residência oficial do Governador, é cercado por um amplo jardim com mais de duas mil espécies de plantas nativas e exóticas, e 40 espécies de aves. O Palácio também abriga as Casas Civil e Militar, algumas secretarias de Estado e um amplo acervo histórico cultural e artístico, com cerca de 1.700 itens entre pinturas, esculturas, peças de arte sacra do período colonial e objetos de artes decorativas. O acervo permanente é aberto à visitação pública, no piso térreo.

Serviço
Av. Morumbi, 4500 – Telefone: 11 2193-8282 – Aberto de terça a domingo das 10h00 às 16h00 de hora em hora.

Construído em 1813 pelo padre Antonio Feijó, o casarão foi sede da primeira fazenda de chá do Brasil. Relíquia do Morumbi, a Casa da Fazenda foi restaurada pela Academia Brasileira de Arte, Cultura e História (Abach), e hoje conta com biblioteca e galeria de arte, com exposições nacionais e internacionais. 

Serviço
Av. Morumbi, 5594 – Telefone: 11 3742-2810 – Segunda a sexta, das 11h00 às 18h00 ou com visita agendada em outros horários. 
Estacionamento no local.

Situa-se em terreno da antiga Fazenda Morumbi, cujo documento mais antigo é de 1825. Na década de 1940 a Cia. Imobiliária Morumby loteou suas terras e fez o restauro das ruínas. A pintora Lúcia Suanê representou, em afresco, a cena do batismo de Cristo e os anjos com fisionomias de índios.

Serviço
Av. Morumbi, 5387 – Telefone: 11 3772-4301 – Terça a domingo das 09h00 às 17h00. Visitação gratuita.

Primeira residência construída no Morumbi e projetada em 1949 por Lina Bo Bardi, a Casa de Vidro possui estrutura vertical, erguida por tubos de aço, com as lajes e demais componentes estruturais feitos em concreto armado. Bela e muito moderna, já se tornou patrimônio estadual paulista e foi tombada, em 1986, pelo Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Artístico, Arqueológico e Turístico do Estado de São Paulo (Condephaat). Hoje é a sede do Instituto Lina Bo & P. M. Bardi.

Serviço
Rua General Almério de Moura,
200  – Telefone: 11 3744-9902 – Segunda a sexta das 9h00 às 15h00. Visitas mediante agendamento pelo e-mail [email protected]. Não abre aos feriados.

Conhecida também pelo apelido ‘gaiola de concreto’, a Pinakotheke Morumbi foi inaugurada em 2002 e desde essa data já apresentou importantes exposições e conquistou importantes prêmios para projetos culturais, de arte e livros. O espaço é a terceira unidade da Pinakotheke, que já existe no Rio de Janeiro e em Fortaleza.

Serviço
Rua Ministro Nelson Hungria, 200 – Telefone: 11 3758-5202 – A Pinakotheke permanece fechada quando não há exposição. Quando há, o período de visitação é de segunda a sexta das 10h00 às 20h00 e sábado das 10h00 às 16h00. Entrada gratuita.

Parques e Praças

Inaugurado em 1995, teve seus jardins projetados pelo renomado paisagista Burle Marx, o qual deu nome ao parque. A flora é constituída por espécies nativas da Mata Atlântica, como o guarantã e o ipê-amarelo, além de espécies exóticas como a uva japonesa, a santa-bárbara e a castanha portuguesa. Para quem gosta de se exercitar, há trilhas no meio da mata que circundam um lago com
tartarugas e passam por uma pequena nascente. É proibido entrar com patins, motos e animais domésticos; bolas e bicicletas podem ser liberadas apenas para utilização por crianças pequenas.

Serviço
Avenida Dona Helena Pereira
de Morais, 200 – Telefone: 11 3746-7631 Aberto todos os dias, das 7h às 19h Entrada franca – Estacionamento (R$ 12,00/dia de 2ª a 6ª; R$ 14,00/dia aos finais de semana e feriados).

Localizado no bairro Cidade Jardim, possui área de mais de 140 mil m2 e já foi conhecido como bosque do Morumbi. Com grande variedade de fauna e flora, possui vegetação de Mata Atlântica Quem passar por lá pode observar, entre outras espécies, jatobás e cedros, além de três lagos. O parque também conta com playground, estacionamento, aparelhos de ginástica, trilha natural, pistas para corrida e trilha monitorada para escolas. É só ligar e agendar.

Serviço
Av. Engenheiro Oscar Americano, 480 – Telefone: 11 3031-7052. Aberto todos os dias das 06h00 às 18h00 e no horário de verão até às 19h00. Entrada e estacionamento gratuitos.

É um lugar superagradável para passeios a pé. Possui pista para caminhadas, um percurso de 1,5 km com subida leve, e foi integrada ao projeto municipal “Praça de Lazer Contemplativo”, por sua beleza e tranquilidade.

Serviço
Praça Vinícius de Moraes, s/nº – Aberta 24h – não possui estacionamento.

Cartão-postal

Parte do Complexo Viário Real Parque, é referência para entrada e saída do Morumbi, e foi a primeira ponte estaiada do mundo com duas pistas em curva conectadas a um mesmo mastro. Com 138 metros de altura, foi inaugurada em 2008, após três anos de construção, e hoje é considerada uma das principais atrações turísticas da cidade. 

Fundado em 1875 com o nome Club de Corridas Paulistano, abriga atualmente cerca de 1.500 animais puro-sangue inglês de corrida, mais 500 cavalos alojados nos centros de treinamento e que ajudam a formar os programas de corridas. Ponto turístico de São Paulo, o Jockey Club também é palco de grandes leilões, eventos, feiras e festas. 

Serviço
Av. Lineu de Paula Machado, 1263 – Telefone: 11 2161-8300

Só tem aqui!

Casa de Pedra

A casa de Estevão Silva da Conceição, morador de Paraisópolis, é decorada com pratos, xícaras, cacos, lascas de cerâmica, azulejo, moedas etc. A infinidade de materiais que o jardineiro vai colocando harmoniosamente em todos os ambientes o compara ao famoso arquiteto catalão Antoni Gaudí.

Serviço
Rua Herbet Spencer, 38 – Telefone: 11 3773-7135 – Valor do ingresso para visitação: R$ 30,00.

Artigos recomendados