Como organizar uma cozinha

Luciana Lauria

Frequentemente recebo mensagens de pessoas com dúvidas de como organizar os ambientes de suas casas ou empresas. Com essas perguntas a observação de que arrumam, arrumam, arrumam e nunca para nada no lugar.

Resolvi fazer uma série com essas informações! Essa semana vamos falar de cozinha e despensa!

Antes de mais nada precisamos sempre ter mente que arrumar é diferente de organizar. Primeiro precisa organizar para depois arrumar. Manter arrumado só será real se tiver uma organização bem-feita.

A cozinha é uma das áreas da qual as pessoas mais têm dificuldade de manter em ordem. É um lugar que mais de uma pessoa tem livre acesso, e controlar tudo e todos não é a solução.

Designed by Freepik

Então por onde começar? Faça uma triagem de tudo que não usa mais, do que está quebrado ou que precisa de reparo. Dês destinos corretos. Na despensa e geladeira olhe as validades e descarte tudo que estiver vencido.

Setorize a cozinha levando em conta o perfil dos moradores. Crianças, pessoas com alguma dificuldade ou restrição de movimentos e idosos. Lembre-se de facilitar ou restringir o acesso de acordo com os perfis.

Na área perto da pia e fogão deixe os objetos que vai usar para cozinhar e para louças. As áreas mais altas são para itens de pouco uso. Deixei os eletrodomésticos o mais próximo possível. Se estiverem espalhados por toda cozinha você irá usar pouco esses grandes aliados.

As gavetas seguem a ordem de itens com mais uso na primeira e, da segunda em diante, pense o tanto que você usa aquele item e o tanto que terá que abaixar repetidas vezes durante o preparo de uma refeição. Esse será seu parâmetro para definir quem vai na segunda, terceira ou quarta gaveta!

Na despensa deixe os produtos abertos com mais fácil acesso de preferência em potes adequados. Assim você vai usar até o final aquele alimento evitando abrir dois pacotes de macarrão, por exemplo, e acabar tendo desperdício.

Designed by Freepik

A geladeira também deve ser setorizada. Distribua os alimentos pelas prateleiras e portas de maneira correta. Além de facilitar a rotina, você visualiza corretamente o que tem e evita choques de temperatura que podem afetar os alimentos.

Cada casa é única, mas todas têm suas rotinas melhoradas com um planejamento correto de organização. Feito isso, só não irá parar no lugar se você não devolver, depois de usar, para o destino correto.

Nomear usando etiquetas e até uma rotuladora (para quem quiser algo ainda mais caprichado) é uma maneira eficiente de fazer com que as coisas voltem ao lugar certo. Afinal não faz sentido guardar espátulas numa área que está escrito pano de prato!

Pode ser que o processo de organizar precise de mais de um dia. É normal! Mas não deixe sem terminar! Marque até dois dias na sua agenda e faça até o final! A sensação de dever cumprido é tão animadora que você vai ficar contando os dias para as dicas da próxima quinzena!

Até a próxima!

Luciana Lauria é Personal Organizer por amor ao propósito da organização, casada, mãe de uma linda moça e moradora do Morumbi.
WhatsApp: (11) 99381-2327
Você pode também saber um pouco mais desse universo em suas redes sociais.

Imagem destacada da Publicação:
Designed by Freepik

Assine

Nossa Newsletter

Inscreva-se para receber nossos últimos artigos.

Artigos recomendados