Organização: esse assunto combina com criança?!

Luciana Lauria

Para muitas pessoas é impensável um ambiente com criança e organização. Talvez pela errada percepção de que quando se organiza não se tira nada do lugar e só assim podemos ter aquela casa dos sonhos!

Errado! A organização entra na vida das pessoas para que elas vivam melhor! E viver é usufruir de tudo que se tem!

Com as crianças não é diferente! Todo ambiente na qual elas estão inseridas devem ter uma proposta ideal para cada fase.

Existem projetos de organização desde a gravidez até a adolescência na qual a Personal Organizer vai ajudar mamães e crianças a passarem por todas as etapas.

Designed by Freepik

Quando iniciamos um projeto para uma gestante temos não só o cuidado com o ambiente físico. É um momento de planejamento de rotina para conseguir, com tranquilidade, deixar a nova família prestes a crescer, começar a abrir espaço para o novo integrante. Com bom planejamento e execução feita com parceria entre a profissional e a gestante, o tempo para aproveitar a gestação é muito maior e com menos preocupações para a mamãe.

O projeto de cuidado com essa nova fase inclui orientação na compra de enxoval e moveis, organização do quarto, das roupas (que são categorizadas pelas fases do primeiro ano de vida).

Passado esse período é necessário um novo projeto na qual a Personal Organizer vai orientar como fazer a seleção para doações, descartes, armazenamento correto de peças que vão ficar para o planejamento do irmãozinho e para o correto armazenamento das novas aquisições. Afinal o bebê está crescendo!

Designed by 8photo - Freepik

Depois disso é possível fazer um planejamento mais espaçado e já levando em conta a fase escolar, a criação de uma biblioteca, uma brinquedoteca ou sala de jogos.

Durante todas essas fases, a rotina é algo imperativo para que as crianças se sintam seguras e bem amparadas. Esse é o primeiro contato com a organização. Proporcionar isso aliado à um ambiente organizado é positivo para crianças e adultos!

Conseguir passar para as crianças desde muito pequenas que as coisas têm seu lugar de destino e o momento de se fazer está diretamente ligada à uma rotina organizada. Mas isso não quer dizer que não vai ter um brinquedo ou uma blusa jogada, vez ou outra, pela sala.

Quer dizer que ela sabe que o lugar não é ali e sabe qual o endereço de volta desses objetos.

Até a próxima!

Luciana Lauria é Personal Organizer por amor ao propósito da organização, casada, mãe de uma linda moça e moradora do Morumbi.
WhatsApp: (11) 99381-2327
Você pode também saber um pouco mais desse universo em suas redes sociais.

Imagem destacada da Publicação:
Designed by Freepik

Assine

Nossa Newsletter

Inscreva-se para receber nossos últimos artigos.

Artigos recomendados