Glúten: quem deve cortar da alimentação?

Especialista explica cada uma das doenças e sintomas de quem não pode ingerir alimentos com glúten

O glúten, proteína presente em cereais como trigo, cevada e centeio, faz mal para pessoas que tem três tipos de doenças: a celíaca, alergia ao trigo ou sensibilidade não celíaca ao glúten. Fora essas pessoas, o glúten não deve ser retirado da alimentação sem a orientação de um especialista, pois, é um é uma proteína presente nos cereais e no preparo de alimentos. O alergista do Grupo São Cristóvão, Dr. Alexandre Okamori, explica cada uma delas:

  • Doença celíaca: é uma doença autoimune, ou seja, o próprio sistema imunológico da pessoa ataca as células saudáveis, resultando em um processo inflamatório da parede do intestino. Isto pode causar: diarreia, anemia, distensão e dor abdominal, como também pode ser assintomática.
  • Alergia ao trigo: atinge mais as crianças porque com a ação dos anticorpos, é possível notar os sintomas mais precocemente, assim, podendo causar um quadro alérgico grave, com sintomas variados, entre eles o choque anafilático, urticária ou brotoejas, cólicas estomacais, diarreia, dificuldade para respirar, entre outros.
  • Sensibilidade não celíaca ao glúten: atinge pessoas que não tem alergia, nem produzem autoanticorpos. Neste caso a pessoa pode ter os seguintes sintomas: déficit de crescimento, anemia, osteoporose, lesões de pele, diarreia, dor abdominal, emagrecimento e enxaqueca.
Imagem por Samee Anderson em Unsplash

Os alimentos que contém glúten são muitos, e quem tem alguma das sensibilidades citadas acima deve evitar a ingestão desses alimentos e bebidas. Confira a lista:

  • Barrinha de cereais;
  • Massas em geral;
  • Pães e torradas;
  • Biscoitos e bolachas;
  • Bolos;
  • Salgados de festa;
  • Donuts;
  • Casquinha do sorvete;
  • Salsicha;
  • Salame;
  • Hambúrguer;
  • Carnes empanadas;
  • Molhos prontos, como ketchup, mostarda, maionese, molho de soja;
  • Bebidas como cerveja; vodka; gim, uísque, entre outros.

Administrado pela Associação de Beneficência e Filantropia São Cristóvão, o Grupo São Cristóvão Saúde é constituído pelas seguintes Unidades de Negócio: Hospital e Maternidade Geral, Plano de Saúde, oito Unidades Ambulatoriais, Filantropia, Centro de Atenção Integral à Saúde (CAIS), Instituto de Ensino e Pesquisa (IEP) e Hotel Recanto São Cristóvão, localizado em Campos do Jordão. Referência em saúde, na Zona Leste de São Paulo, a Instituição completou 109 anos em dezembro de 2020. Através da gestão administrativa dirigida pelo CEO/Presidente, Engº Valdir Pereira Ventura, tem sido promovida uma grande modernização e expansão em sua estrutura física e tecnológica, investido em equipamentos, certificações e profissionais qualificados. Atualmente, o Hospital e a Maternidade aumentaram a capacidade de internação passando de 171 para 275 leitos, além das oito Unidades dos Centros Ambulatoriais, Centro Laboratorial Américo Ventura (CLAV) e do Centro de Atenção Integral à Saúde que realizam diariamente milhares de consultas, proporcionando qualidade assistencial às mais de 160 mil vidas do Plano de Saúde.

Colaboração da Pauta:

PR Consulting Americas
Elen Andrade
[email protected]
+55  11 97526 3208

Larissa Peruccini
[email protected]
+55 11 95353 4594

Anthony Dovkants
[email protected]
+55 11 99686 8060

Imagem destacada da Publicação

iStock by Getty Images

Assine

Nossa Newsletter

Inscreva-se para receber nossos últimos artigos.

Conheça nossa política de privacidade

vinheta-abril-2021-banner (1)
vinheta-abril-2021-banner (2)
vinheta-abril-2021-banner (3)
vinheta-abril-2021-banner (4)
vinheta-abril-2021-banner (5)
vinheta-abril-2021-banner (6)
vinheta-abril-2021-banner (7)
vinheta-abril-2021-banner (8)
Anterior
Próximo

Artigos recomendados