Do pãozinho para a pizza do Brasil, a Coliseu Style

Renato Du Valle

Hoje iremos conhecer a verdadeira pizza brasileira, que nasceu na cidade de Guarulhos, em São Paulo, na data de 10 de setembro de 2018 no Museu da Pizza. Criada pelo Mestre Pizzaiolo Wilson. Ele é Chef formado em Gastronomia pela Faculdade HOTEC – SP e possui larga experiência no mercado de pizza. Há mais de 25 anos atua no ramo de gastronomia. Começou a trabalhar na produção de pizzas já aos 15 anos e aos 17 anos abriu sua primeira pizzaria.

Realizou diversas viagens internacionais para se aprimorar na profissão de pizzaiolo, período no qual adquiriu experiência em gastronomia junto a buffets, restaurantes, feiras e eventos. Hoje ministra consultorias para profissionais, redes de pizzaria e dá aulas no SENAC sobre aspectos gastronômicos da culinária italiana e também sobre a construção e manutenção de Fornos Napolitanos à Lenha para produção de pizzas. É autor da Pizza Coliseu Brasil.

Mas para falarmos desta pizza temos que voltar os nossos olhos para um alimento que foi inspirador para esta obra prima o nosso pão de todos os cafés da manhã: Pão de Sal ou mais conhecido Pão Frances.

Vamos dar uma pitadinha de sal nesta história: Em 1910 aos brasileiros tentarem copiar e produzir um pão da França, mas acrescentaram na receita original um pouco de açúcar e gordura na massa dando origem ao nome PÃO FRANCÊS por ter sido copiada de uma receita francesa.

Com o passar do tempo, o pão francês foi ganhando apelidos diferentes em algumas cidades do Brasil, como:

  • Cacetinho (Rio Grande do Sul e Bahia),
  • Filão, Pão Jacó (Sergipe),
  • Média (Baixada Santista),
  • Pão aguado (Paraíba),
  • Pão careca (Pará),
  • Pão carioquinha (Ceará).
  • Pão de sal (Minas Gerais)
  • Pão massa grossa (Maranhão),
  • Pãozinho (São Paulo),

Atualmente o nosso pão francês é um dos melhores do mundo, copiados inclusive pelos franceses, conhecido por lá como “Pão Brasileiro”.

Seja quentinho, fresquinho, puro, torrado, recheado, o pão francês é uma delícia e foi o ponto de partida para o Mestre Pizzaiolo Wilson desenvolver a nossa pizza brasileira. Que tendi ganhar o mundo como sua fonte de espiração, o pão de sal.

Uma pizza que deliciosamente equilibrada em relação: massa, molho e recheio. Com uma coloração belíssima e sem falar da crocância.

Tendo em sua história a pizza o objetivo de “matar fome”, principalmente a da parte mais pobre da população. Atualmente ela a “Pizza”, se tornou glamurosa, merecendo respeito e destaque em nossa gastronomia.

Chef Wilson e Chef Renato Du Valle

Curiosidade: Temos no Brasil, o Museu da Pizza que fica localizado na cidade de Guarulhos, na rua Honolulu, n° 42, bairro Água Azul. Onde o administrador, mestre pizzaiolo Wilson tem um grande acervo de itens relacionados (pratos, copos, utensílios, fotos entre outros) com o mundo da pizza, totalizando 1.200 (hum e duzentos unidades diferentes), catalogado pelo Guinness Book, rendendo o segundo lugar no mundo.

Assista abaixo os vídeos com a preparação da Pizza Coliseu Style.

Nesta primeira parte ele fala da preparação da massa.

Nesta parte, o Chef Wilson trata os ingredientes e começa a preparar a pizza.

Aqui, Chef Wilson, fala da importância do processo de assar a pizza e como identificar quando ela está boa com a crocância perfeita.

Outra massa, novos sabores e a pizza crocante para nossos paladares.

Renato Du Valle é brasileiro e casado. Tem especialização em culinária britânica e francesa. Possui MBA em gestão gastronômica o que lhe confere oferecer consultoria na elaboração de cardápios e em seus modelos de custos e precificação.

Imagem destacada da Publicação: 
Pizza Brasil Coliseu Style – Chef Wilson

Assine

Nossa Newsletter

Inscreva-se para receber nossos últimos artigos.

Artigos recomendados